Preservando a torcida adversária

A agressora tinha que ser o que?
contexto aqui
tag: grêmio inter futebol briga de torcida

17 thoughts on “Preservando a torcida adversária

  1. Vcs q estão vendo política em tudo, se é que entendi a crítica, a resposta para a pergunta retórica “tinha que ser o que?” começa com GOR e termina com DA. Só não quero ser explícito pq podem ter ‘gê ó erre dê a esse’ dando piti xD

  2. A mulher entrou com a camisa do time rival na casa do adversário e na área destinada ao colorados.. além disso teve a cara de pau de ficar balançando a camisa como uma bandeira. Ela está totalmente errada, além do mal exemplo para a criança.. e o Brasil inteiro a defendendo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.